sexta-feira, 4 de abril de 2008

Meme literário

Recebo este desafio do Joaquim: escolher cinco livros/autores preferidos e um que mereça apodrecer na estante.


Quanto aos preferidos, é muito díficil escolher. Podem ser estes, tirados um bocado ao acaso:
  1. A Divina Comédia (Dante Alighieri, tradução de Vasco Graça Moura). Intemporal.
  2. António Gedeão. A poesia é sempre um estado de alma. A alma de António Gedeão era imensa.
  3. Júlio Verne. Aprendi a gostar de ler com ele, e ainda hoje, à falta de outros, releio com prazer. São os livros mais surrados da minha biblioteca!
  4. Umberto Eco. Os romances históricos são uma perdição lá em casa, e O Nome da Rosa ocupa o lugar cimeiro.
  5. J.R.R. Tolkien. Um singelo tributo à genialidade humana, da qual Tolkien é um expoente.

Quanto à escolha negativa, opto por Franz Kafka. A razão é muito simples, e nada tem a ver com as suas inegáveis qualidades de escritor - o raio do homem esteve quase a conseguir deprimir-me!

Passo a palavra, caso queiram aceitar, à Carmex e ao Bernardo.

1 comentário:

Fred disse...

Ainda bem que gosta de Júlio Verne. Aproveito para publicitar o meu site e blog dedicado ao autor:
www.jverneportugal.no.sapo.pt
www.jvernept.blogspot.com