segunda-feira, 31 de março de 2008

A ler

«Os Abusadores Descontrolados». Mário Falcão, n'A Esquina do Rio.
"Na realidade que obrigação tenho eu de guardar o comprovativo de um serviço? Tenho uma obrigação moral de a pedir, mas posso deitar a factura fora no minuto seguinte – que eu saiba o Estado não se propôs restituir o IVA das despesas do casamento aos noivos como prenda do enlace. O fisco acha que devemos guardar as facturas de todos os bens e serviços que compramos? E baseado em quê? E qual a obrigação que qualquer cidadão tem, de facto, em reportar os seus gastos pessoais?"(...)

3 comentários:

joaquim disse...

Caro André

Deixei-te uma "coisinha" lá no Verdade!

Passa por lá, por favor!

Penso que não terá problemas com o fisco...eheheh

Abraço amigo em Cristo

Zololkis disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
André A. Correia disse...

O comentário anterior foi apagado por direccionar os visitantes a um sítio não seguro.