sábado, 26 de abril de 2008

Vital Moreira e a revisão do Código de Trabalho

Terça-feira passada Vital Moreira publicou no seu blogue 4 pequenos apontamentos/comentários sobre a revisão que o PS e o Governo pretendem efectuar ao Código de Trabalho em vigor.

Gostava sinceramente de, uma vez que fosse, poder apreciar a honestidade intelectual de tão ilustre personagem da esquerda republicana portuguesa, mas terei de esperar por melhores dias.

Sem querer descontextualizar, tomemos esta afirmação do douto professor:
Todas essas propostas seguem a via correcta de tornar mais oneroso para as empresas o trabalho precário, utilizando a linguagem que os empresários melhor entendem...
E posteriormente:
Não é impossível favorecer simultaneamente as empresas e os trabalhadores...
Ora, se num primeiro assomo Vital Moreira claramente afirma que certos artigos pretendem ser um instrumento punitivo para os empregadores - "utilizando a linguagem que os empresários melhor entendem..." - como esperar que no decurso da negociação se encontre um favorecimento simultâneo das duas partes?

2 comentários:

MRC disse...

O que acho mais escandaloso é o Estado querer sobrecarregar as empresas que recorrem à contratação a prazo quando é o próprio Estado a ter milhares de contratados a prazo, sem vinculo.
É a velha hipocrisia "Prega bem Fei Bento Tomás: Faz o que ele diz, não faças o que ele faz"

Maria Marques disse...

Além da utilização do chavão comunista de que o que beneficia as empresas não beneficia os trabalhadores, como se isto fosse um jogo de soma nula...